AutoSerra - O classificado automotivo da Região Serrana
Painel do Anunciante
Favoritos

Leia nossos

Artigos


Chevrolet Veraneio


Erick von Seehausen
Sócio gerente
erick@autoserra.com.br
AutoSerra
www.autoserra.com.br

Chevrolet Veraneio

Chevrolet Veraneio

Muitos poucos sabem, mas a famosa “Veraneio” teve dois nomes antes de ser batizada com o nome definitivo até o fim de sua produção.

Inicialmente, originária da Picape Chevrolet Brasil, recebeu o nome de Chevrolet Amazona, lançada em 1959, ainda passando por uma modificação em 1962, que passou a vir equipada com quatro faróis dianteiros.



Mais adiante, em 1964, passa a se chamar C-1416 e ganha novos contornos, mais modernos e suspensão dianteira independente, passava a vir equipada com quatro portas, pois a antiga “Amazona” tinha apenas três portas como o amigo pode observar nas fotos acima.

A mecânica da nova C-1416 era a mesma da versão anterior, 4.3 v6 e 149cv e era caro manter a perua, pois o consumo de combustível era muito alto.

Sua vocação para família, não demorou a influenciar a montadora a trocar seu nome para Veraneio.

Nome esse que gera calafrios só de pensar que o Clássico não serviu apenas ao lazer e sim muito mais, as Polícias de todo o país, virando tema de música em uma época que a terrível “Veraneio Vascaína dobravam as esquinas”.

Deixando a parte ruim da história de lado, vamos a parte boa que é o legado que essa máquina deixou.

A Veraneio era de sobra, muito superior a sua concorrente da Willys, a famosa Rural, que era ultrapassada e desconfortável.




Inicialmente equipada com quatro faróis, a Veraneio percorreu o caminho inverso da antiga Amazona, e sua versão mais moderna, ganhava frente com apenas dois faróis.

A Veraneio, na sua versão original, sobreviveu até o final da década de 80. Atravessou praticamente um quarto de século sem grandes alterações de estilo. Na mecânica, além de ligeiros aumentos na potência do motor, foram incorporados ao longo dos anos progressos como servofreio, freios a disco e direção hidráulica.

Em 1989, o último exemplar deixou a linha da fábrica, em São Caetano do Sul, SP. Sua sucessora acompanhava as mudanças na linha de picapes, totalmente reformulada. Pouco tempo depois o mercado brasileiro se abriria para a chegada de modernos utilitários esportivos, que exilaram de vez a antiga Veraneio.

Entre 1989 e 1994, a GM enfim reformulava a Veraneio, assim como fizera com as Picapes A/C/D-10 que eram substituídas pela A/C/D-20, e a boa e velha Veraneio também ganhava linhas retas, painel modernizado e confortos como ar-condicionado e direção assistida. A GM enfim ingressava num segmento há anos explorado pelas transformadoras, que adaptavam cabines duplas ou carrocerias de peruas aos picapes Chevrolet e Ford.

Em 1990 era lançada a Bonanza, uma versão de duas portas e entreeixos bem mais curto: 2,59 metros, contra 3,23 metros da Veraneio. Ambas tinham as carrocerias produzidas pela Brasinca, que até então oferecia essas opções no mercado de transformação com os nomes de Mangalarga, para a maior, e Passo Fino, para a mais compacta.

A nova Veraneio ficou no mercado até 1994. Além do motor V6 de 4,1 litros e 140 cv a álcool do Opala, foi oferecida com o Maxion diesel, de quatro cilindros e 4,0 litros, em versões turbo (120 cv) e aspirado (92 cv), e com uma terceira fila de bancos para acomodar até nove pessoas. A versão Custom Deluxe podia vir com controle elétrico dos vidros e travas, rodas de alumínio e direção de assistência eletrônica Servotronic, requinte que só em 2001 foi aplicado ao Omega.





Fontes: Bestcar.uol & Quatro Rodas

Você entende de carros? Gostaria de escrever artigos para o AutoSerra?

Clique aqui e fale conosco.
» Home
» Carros
» Carros antigos
» Motos
» Anunciar
» Lojas
» Guia de serviços
» Favoritos
» Artigos
» Notícias
» Contato
» Perguntas frequentes
» Quem somos
» Publicidade
» Termos de uso
» Política de privacidade
Tel.: (24) 2246-7476
Email.: contato@AutoSerra.com.br
Atendimento de segunda a sexta - 9h às 16h (intervalo 12h - 13h)

Formas de pagamento


AutoSerra - O classificado automotivo da Região Serrana
Todos os direitos reservados

Versão: 20170612